Terça, 28 de Setembro de 2021
3123420968
Justiça CONFLITO CORPORATIVO

Gestão de conflitos corporativos

Entender como um conflito surge, mapeá-lo, compreender suas etapas e como ele escala é essencial para uma boa gestão de conflitos.

09/09/2021 11h51
Por: Renato Ilha Fonte: Advogada Veridiana Martins
Veridiana Martins é Mediadora cadastrada no CNJ
Veridiana Martins é Mediadora cadastrada no CNJ

Gerir conflitos é incentivar o diálogo e a troca de informações, identificar a insatisfação dos indivíduos, suas necessidades não atendidas e os interesses subjacentes que os colocam em suas posições, construindo uma solução que atenda de forma satisfatória as reais necessidades de todos os envolvidos.

Gestão de conflitos é o conjunto de métodos e processos práticos que visa mediar os impasses entre pessoas, diminuindo seu impacto negativo e tornando a situação de conflito algo produtivo.

O objetivo da gestão dos conflitos é evitar seu agravamento progressivo, pois quando geridos de forma correta, os conflitos podem se tornar a força propulsora de mudanças positivas.

Os estudos mostram muitas formas e divisões dos conflitos, mas considerando a realidade das empresas, de uma forma mais assertiva e visando otimizar sua gestão, eles podem ser divididos em: conflitos internos ou externos e conflitos funcionais ou disfuncionais.

CONFLITOS INTERNOS: 

É o que pode ocorrer dentro da organização entre departamentos ou unidades de negócios, mas sempre tem como raiz o conflito entre pessoas. Seus efeitos são mais difíceis de ser mensurados monetariamente pois possuem custos ocultos que passam despercebidos.

CONFLITOS EXTERNOS:

Ocorre com agentes de fora da organização, podendo ser uma outra empresa, o governo ou um indivíduo. É mais facilmente identificado e tem o custo mais fácil de ser medido. O custo com litígios (processos judiciais e arbitragem) podem ser um indicador do custo do conflito.

CONFLITO FUNCIONAL:

É aquele normalmente relacionado a uma tarefa ou modo de ação. Os conflitos funcionais são bons e apoiam os objetivos do grupo, melhorando seu desempenho de uma forma construtiva para a organização. Acontecem quando os interesses da organização são alcançados a partir da disputa ou desacordo, promovendo maiores níveis de desempenho, com aumento da motivação, da criatividade e das mudanças construtivas para a resolução do problema.

CONFLITO DISFUNCIONAL:

Normalmente ocorre por questões relacionais, prejudicando muitas vezes de forma oculta as metas e os objetivos da organização. Os conflitos disfuncionais são os que atrapalham o bom desenvolvimento do grupo, de forma destrutiva tanto para o grupo quanto para os objetivos da organização. Ocorrem quando o desacordo e a disputa causam desentendimentos e discussões não construtivas, com desperdício de tempo, energia e dinheiro. 

Perceber a ocorrência de conflitos corporativos nem sempre é fácil. Como dito acima, muitos são ocultos e de difícil mensuração. Contudo, é necessário identificá-los e tratá-los como estratégia de gestão para uma saúde organizacional e financeira das organizações.

Veridiana Martins é Advogada e Presidente da Associação Gaúcha de Mediadores e Conciliadores (AGAMEC)

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Mediação e Justiça
Sobre Mediação e Justiça
Assuntos relacionados ao o exercício da solução de disputas.
Belo Horizonte - MG
Atualizado às 10h52 - Fonte: Climatempo
26°
Poucas nuvens

Mín. 17° Máx. 31°

27° Sensação
17 km/h Vento
48% Umidade do ar
90% (2mm) Chance de chuva
Amanhã (29/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Quinta (30/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 29°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Ele1 - Criar site de notícias