Terça, 13 de Abril de 2021
3123420968
Dólar comercial R$ 5,67 -0.97%
Euro R$ 6,77 -0.7%
Peso Argentino R$ 0,06 -1.03%
Bitcoin R$ 379.996,82 +5.788%
Bovespa 119.447,42 pontos +0.54%
Economia INFLAÇÃO

Inflação acelera entre os mais pobres e chega a 6,63% em 12 meses

Transporte é o item que mais sobe: de 2,18% para 3,52%).

06/04/2021 11h29
Por: Renato Ilha Fonte: FGV
A FGV é uma instituição de referência em ensino e pesquisa no Brasil e no mundo.
A FGV é uma instituição de referência em ensino e pesquisa no Brasil e no mundo.

O Índice de Preços ao Consumidor - Classe 1 (IPC-C1), que mede a variação de preços de produtos e serviços para famílias com renda entre um e 2,5 salários-mínimos, subiu 0,82% em março e acumula alta de 6,63% nos últimos 12 meses, segundo dados divulgados pela Fundação Getulio Vargas (FGV) em 06/03. A taxa é maior que as apuradas em fevereiro deste ano (0,40%) e em março do ano passado (0,49%).

De acordo com a FGV, oito classes de despesa componentes do índice de inflação da baixa renda registraram acréscimo nas taxas de variação: Transportes (2,18% para 3,52%), Habitação (0,17% para 0,80%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,09% para 0,52%), Comunicação (-0,12% para -0,01%) e Despesas Diversas (0,26% para 0,30%).

Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o IPC-C1 acumula inflação de 1,38% no ano e de 6,63% em 12 meses. O Índice de Preços ao Consumidor –Brasil (IPC-BR), que mede a inflação para todas as faixas de renda, foi de 1% em março e de 6,10% em 12 meses.

TRANSPORTE É O ÍTEM QUE MAIS SOBE

Os grupos de despesas que mais impactaram a inflação medida pelo IPC-C1 foram transportes (3,52%), habitação (0,80%) e saúde e cuidados pessoais (0,52%). Outros grupos com inflação foram despesas diversas (0,30%) e vestuário (0,02%).

Em março, a maior pressão para as famílias mais pobres foi exercida pela gasolina (10,9%), gás de botijão (4,07%), etanol (17,11%), aluguel residencial (1,04%) e tarifa de eletricidade: 0,61%

Houve registro de queda nos preços dos grupos educação, leitura e recreação (0,05% para -0,12%), alimentação (-0,04% para -0,09%), vestuário (0,09% para 0,02%) e comunicação (-0,01%).

O IPC-C1 é calculado com base em preços coletados em sete capitais: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Salvador, Recife e Porto Alegre.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Belo Horizonte - MG
Atualizado às 14h27 - Fonte: Climatempo
29°
Alguma nebulosidade

Mín. 14° Máx. 30°

28° Sensação
9 km/h Vento
31% Umidade do ar
90% (8mm) Chance de chuva
Amanhã (14/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 27°

Sol e Chuva
Quinta (15/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 28°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias